“The older I grow, the more I distrust the familiar doctrine that age brings wisdom.” - H.L. Mencken

18
Dez 17

Tenho andado a ajudar numas pequenas (mas longas) obras de renovação e melhoria de uma casa. Nada de deitar paredes abaixo, apenas coisas básicas e simples como substituir umas coisas, pintar cenas, silicone aqui e ali, etc.
Aqui ficam os meus conselhos e aprendizagens para quem algum dia possa estar na mesma situação.

1 - A Lei de Murphy existe, é real, e não tem pena nenhuma de nada nem ninguém.

2 - A pessoa que mais medo tiver de alturas será a que invariavelmente terá de fazer trabalhos em altura e subir ao telhado.

3 - Não, a tinta não tapa tudo. Mas pode-se tentar. E tentar. E tentar.

4 - Os pingos de tinta cairão no chão no preciso sítio onde vão colocar o pé após descer do escadote/cadeira.

5 - A água descobre sítios por onde fluir que apenas descobrirás depois de colocadas borrachas, peças e silicone em quantidades abundantes.

6 - Na dúvida, sim, é lixo. Deita fora.

7 - Passarás mais tempo a ver álbuns de fotos esquecidos em fundos de armário do que a raspar os pingos de tinta do chão.

8 - Não há produto de limpeza que chegue aos calcanhares de uma lâmina.

9 - Aquele bocadinho de tinta que está a lascar ao canto da sala - não toques nele. Aconteça o que acontecer, não toques nele. Pinta por cima se tiver de ser mas não arranques. A parede virá atrás.

10 - Os produtos tóxicos serão usados nos espaços mais fechados e antes de alguém se lembrar de comprar máscaras.

11 - Colocar lençóis para não sujar o chão com lixo - hahahahahaahahahahahaahahah!

12 - Não terás broca de tamanho ou para o material que desejas furar. Assegura-te que tens um vizinho porreiro.

13 - Arrastar móveis que não são mexidos há mais de dez anos fará com que se desintegrem. Comprar quantidades absurdas de cola para madeira antes de se tentar tal coisa.

14 - Qualquer peça de madeira ou outra coisa qualquer que levar cola ficará invariavelmente colada ao chão/pano/bancada/chave de fendas/parafuso/etc.

15 - Qualquer estimativa de duração dos trabalhos será cruelmente subplantada em quinze dias (no mínimo).

16 - Farás dez vezes mais visitas a lojas de peças e materiais do que as que pensas fazer.

17 - Dar primário é chato mas funciona.

18 - Os parafusos podem ser martelados e usados como pregos.

19 - Sim, os vizinhos vão ver o que andaste a meter no lixo.

20 - Andar de mãos, braços e unhas cheias de tinta/silicone é obrigatório. Não adianta esfregar. O tempo tratará do assunto.

21 - A água será cortada para reparar uma torneira no preciso momento em que entornas algo num sítio onde não devias.

22 - Qualquer centímetro quadrado de parede que tenha escapado a segunda camada de tinta luzirá que nem holofote, obrigando todos a apontar a terrível falha e deitando por terra horas de trabalho.

23 - Só depois de tudo limpo verás os estragos que as obras de melhoria causaram.

24 - A lixa não lixa tão bem como defendem. Escovas de aço são boa alternativa.

25 - As refeições serão compostas por frangos assados de várias fontes. Se gostas de frango assado, não participes em obras de renovação/melhoria.

De momento, é só. De momento.

publicado por Sónia às 10:52

Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
28
29
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO